Updated : jun 16, 2020 in Geral

Estados brasileiros estão tendo prejuízos por conta de atraso nos impostos

Os condutores de veículos têm a liberdade de emitir a guia do IPVA pela internet e de se informar sobre os prazos de pagamento também por esse meio. Assim, não é necessário estar indo até a unidade de atendimento, como ocorria anteriormente. IPVA São Paulo em breve deverá ser pago, e você precisa se informar sobre os detalhes.

É importante que você não deixe de pagar nenhum imposto destinado ao seu veículo, como o Seguro DPVAT, Licenciamento e o IPVA. Para que você fique dentro das leis de trânsito, os pagamentos devem estar todos em dia.

IPVA 2021 SP

No post de hoje iremos conferir algumas informações a respeito desse imposto que é obrigatório, incide sobre quase todos os veículos e que ocorre uma vez por ano. Logo, é de suma importância que você mantenha o pagamento do mesmo em dia para evitar problemas futuros. Aproveite para saber mais também sobre o DPVAT 2021 Sergipe!

Tabela do Pagamento

Ainda não foi divulgado a tabela de pagamento IPVA 2021, quem traz essa informação é o próprio Detran, mas no momento ele ainda não lançou a nova tabela com as novas datas para pagamento.

Em breve teremos maiores informações a respeito dos prazos, que por sinal passam por alterações todos os anos, logo, não dá para usar como referência a tabela anterior, pois os dados não são os mesmos.

Essa tabela que deixamos acima é referente ao ano anterior, mas assim que a nova tabela for lançada iremos atualizar os dados para vocês consultarem. Fique por dentro e se informe a respeito de quando pagar esse imposto.

Pagamento DPVAT

Pagamento do DPVAT 2021 Paraíba também passou por mudanças, agora os condutores têm formas mais acessíveis de efetuar o pagamento e já tem alguns anos que essa opção está válida.

Estamos nos referindo ao parcelamento que agora é concedido e que tem facilitado a vida de inúmeras pessoas. Agora você não precisa deixar atrasar o pagamento desse imposto, mesmo por que é possível parcelar em até três vezes.

A seguir você confere quais são as formas de pagamento:

  • pagamento em cota única: com desconto de 10% até a data de vencimento;
  • pagamento parcelado: sem desconto, feito em três vezes sem juros.

Emissão da Guia do IPVA

Para o proprietário emitir a guia DPVAT 2021 Tocantins ele pode entrar no site do Detran SP e fazer o procedimento. Pelo atendimento presencial também é possível, mas por esse meio é mais rápido, por isso mais recomendado.

Segue as instruções sobre como fazer a emissão passo a passo:

  • Site do Detran SP: www.detran.sp.gov.br
  • Informe número da Placa;
  • Informe o número do RENAVAM;
  • Entrando no site você poderá emitir a guia para pagamento único ou parcelado.

Updated : mar 06, 2020 in Geral

Conheça as Diferenças entre Salário Mínimo e Piso Salarial

Salário é o valor recebido mensalmente por um trabalhador, seja ele funcionário de empresa pública ou privada. A definição deste valor é livre pelo empregador. Ele pode pagar o quanto desejar a seu funcionário. Contudo, não pode ser menor que o salário mínimo e nem o piso salarial, que são diferentes. Entenda a seguir como cada um funciona.

O que é salário mínimo?

Salário mínimo é o menor valor mensal a ser recebido por um trabalhador no Brasil. Vale para todos os tipos de empregos, todas as funções e qualquer categoria. É um direito estipulado por lei e protegido pela CLT.

Sua referência é sempre para uma jornada de trabalho de 44 horas semanais e é proporcional. Logo, se um trabalhador atua menos na empresa, por 30 horas por semana ou menos, pode receber menos.

O valor do salário mínimo é estipulado pelo Governo Federal. Usa como base as taxas de inflação e os preços dos produtos no mercado. Por isso constantemente há reajustes para mais. Quando os produtos estão mais caros que o poder de compra do trabalhador, o mínimo vai aumentar.

O salário mínimo foi criado no Brasil na década de 30, muito depois de alguns países desenvolvidos. Sua finalidade é fornecer ao trabalhador condições básicas para pagamento de seus

O que é piso salarial?

Piso salarial é o valor mínimo que um contratado pode ganhar para a sua função. É uma convenção baseada em alguns fatores como o mercado de trabalho, concorrência, valorização da função, dentre outros. O empregador pode pagar mais, mas nunca menos que o piso.

O valor do piso salarial de uma categoria é estipulado para uma carga horária semanal variável porque depende da categoria. Pode ser para uma jornada de 44 horas semanais ou de 40, caso dos professores, menos ou mais. Depende de cada profissão.

Existem diversas formas de se chegar ao piso salarial. Em alguns casos é uma união do sindicato em acordo com a classe e as empresas contratantes, como no caso dos bancários. Pode também ser estipulado por lei como no caso dos professores.

Uma das principais diferenças entre salário mínimo e piso salarial é que um varia e outro não. O piso salarial pode ser por estado, por região ou nacional, depende da convenção da profissão.

Já o salário mínimo é nacional. O mesmo valor vale para todo o território nacional.

Quem vale mais, o salário mínimo ou piso salarial?

O piso salarial sempre será mais importante que o salário mínimo. Quando a categoria o conquistou, ele vale como base para a estipulação dos ganhos mensais pela empresa. Na maior parte dos casos representa uma conquista da classe e por lei deve ser obedecido.

Mas quando não há piso na categoria o que vale é o salário mínimo como base. Esse deve ser o básico a ser recebido.

Outra informação importante é que os descontos permitidos por lei como vale alimentação, refeição, transporte e outros não podem nunca somar mais de 30% do salário. Sendo superior a isso não é permitido tirar nenhum percentual do vencimento do empregado.

Updated : ago 21, 2019 in Geral

Zacarias 11

ZACARIAS 11

  1. Abra as suas portas, ó Líbano, para que o fogo devore os seus cedros.
  2. Agonize, ó pinheiro, porque o cedro caiu e as majestosas árvores foram devastadas. Agonizem, carvalhos de Basã, pois a floresta densa está sendo derrubada.
  3. Ouçam o gemido dos pastores; os seus formosos pastos foram devastados. Ouçam o rugido dos leões; pois a rica floresta do Jordão foi destruída.Dois Pastores
  4. Assim diz o SENHOR, o meu Deus: Pastoreie o rebanho destinado à matança,
  5. porque os seus compradores o matam e ninguém os castiga. Aqueles que o vendem dizem: Bendito seja o SENHOR, estou rico! Nem os próprios pastores poupam o rebanho.
  6. Por isso, não pouparei mais os habitantes desta terra, diz o SENHOR. Entregarei cada um ao seu próximo e ao seu rei. Eles acabarão com a terra e eu não livrarei ninguém das suas mãos.
  7. Eu me tornei pastor do rebanho destinado à matança, os oprimidos do rebanho. Então peguei duas varas e chamei a uma Favor e a outra União, e com elas pastoreei o rebanho.
  8. Em um só mês eu me livrei dos três pastores. Porque eu me cansei deles e o rebanho me detestava.
  9. Então eu disse: Não serei o pastor de vocês. Morram as que estão morrendo, pereçam as que estão perecendo. E as que sobrarem comam a carne umas das outras.
  10. Então peguei a vara chamada Favor e a quebrei, cancelando a aliança que tinha feito com todas as nações.
  11. Foi cancelada naquele dia, e assim os aflitos do rebanho que estavam me olhando entenderam que essa palavra era do SENHOR.
  12. Eu lhes disse: Se acharem melhor assim, paguem-me; se não, não me paguem. Então eles me pagaram trinta moedas de prata.
  13. E o SENHOR me disse: Lance isto ao oleiro, o ótimo preço pelo qual me avaliaram! Por isso tomei as trinta moedas de prata e as atirei no templo do SENHOR, para o oleiro.
  14. Depois disso, quebrei minha segunda vara, chamada União, rompendo a relação de irmãos entre Judá e Israel.
  15. Então o SENHOR me disse: Pegue novamente os utensílios de um pastor insensato.
  16. Porque levantarei nesta terra um pastor que não se preocupará com as ovelhas perdidas, nem procurará a que está solta, nem curará as machucadas, nem alimentará as sadias, mas comerá a carne das ovelhas mais gordas, arrancando as suas patas.
  17. Ai do pastor imprestável, que abandona o rebanho! Que a espada fira o seu braço e fure o seu olho direito! Que o seu braço seque completamente, e fique totalmente cego o seu olho direito!

Updated : out 16, 2018 in Geral

Como Parcelar Impostos pela Internet

Nem sempre no final do mês conseguimos cobrir todas as despesas mais os impostos que devem ser pagos. E sempre no início do ano, em meio à tantos boletos, chega o IPVA. Para amenizar sua dívida e você conseguir pagar os débitos, saiba como parcelar o IPVA pela internet. Parcelando o valor, você terá mais tempo para conseguir o restante do dinheiro. Quer ajuda nisso? Então aprenda como parcelar o IPVA pela internet.

IPVA

O imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores é uma taxa que deve ser paga obrigatoriamente por todos os proprietários de veículos como carro, moto, caminhão, ônibus, entre todos os veículos automotores. O dinheiro recolhido pelo governo e usado para custear as despesas de obras e serviços do estado, como saúde, educação, segurança entre outros serviços.

Cada estado tem seu “regulamento” para o PVA, então, as taxas, isenções e datas, são estipuladas de acordo com cada estado. A Secretaria da Fazenda do seu estado é o órgão responsável por organizar e recolher esse pagamento.

Só com o pagamento do IPVA anual, é que você terá acesso ao Licenciamento do seu veículo, que tem vencimento a cada ano após o pagamento do IPVA. Sem o Licenciamento atualizado você fica restringido a dirigir entre as vias e avenidas de todos o país.

Se por acaso, você for parado em uma fiscalização de trânsito e seu Licenciamento RJ estiver vencido, se carro será apreendido e você sofrerá multas e pontos na carteira. Então, nada melhor do que fazer um esforço e parcelar o IPVA para quitar seu débito.

Para quem paga em cota única (à vista), recebe um desconto de 3 a 5% dependendo do estado. Porém, se não há condições de fazer o pagamento dessa forma, melhor recorrer para o parcelamento. O mais importante é não deixar de pagar. Confira nosso passo a passo de como parcelar o IPVA pela internet.

Como Parcelar Impostos pela Internet

Ao optar por esta opção, você parcela o seu débito total em 3 parcelas, porém sem o desconto que é dado para quem paga em cota única. Parcelar o IPVA é fácil e sem burocracia, veja:

  • Acesse o site do Detran ou Secretaria da Fazenda do seu estado
  • Vá até a opção de “Consulta de Veículo” que deve estar disponível no dite. Em alguns sites, aparecem também a opção “Consulta IPVA”.
  • Ao achar a opção que lhe possibilite acessar dados do seu veículo, preencha os campos com o que se pede, como, número da placa, Renavam ou CPF.
  • Após preencher os dados e prosseguir, você terá acesso a uma página com todas as informações do seu veículo.
  • Você encontrará a opção de gerar boleto do IPVA, onde estará disponível: cota única ou pagamento em parcelas.
  • Selecione o tipo de pagamento em parcelas e imprima o boleto

É muito importante que você não perca o prazo de pagamento. Há uma tabela de pagamentos que funciona por ordem de acordo com o número final da placa do seu veículo. Você pode encontrar essa tabela também no site do Detran ou Secretaria da Fazenda do seu estado.

Pague a primeira parcela conforme a data estabelecida. E nos próximos meses, repita o processo para pagar as outras parcelas em aberto.